17 de jan de 2010

como decorar ecologicamente correto?

Veja algumas fotos que escolhi... navegando na Internet!








Giselle

16 de jul de 2009

Como decorar Jardim (Ideias para Jardim)

Tem um canto no Jardim, não sabe o que fazer? Faz um poço de brinquedo!
Um balanço...

Fica a Vontade é só escolher.

1 de mai de 2009

Beldroega

flor de beldorega -grande
Você já deve ter pisado em muitas delas, ou mesmo te-las arrancado achando que era "matinho" que crescia no seu quintal, sem saber que muitas dessas plantas consideradas "daninhas" são comestíveis e medicinais - e além de saborosas, são muito nutritivas.Creme de milho com beldroega-grande.
Foto:come-se
Uma Planta bem comum em várias regiões do pais é a beldroega (Portulaca oleraceae). As folhas e o caule podem ser consumidos crus em saladas ou refogados e as sementes comidas cruas ou misturadas na massa de bolos e pães. Além de ser deliciosa, a beldroega é rica em cálcio, ferro, proteínas e vitaminas A, B e C e ômega 3. As folhas são usadas em problemas digestivos e possuem ação diurética ; maceradas, podem ser aplicadas em queimaduras, em dores musculares; e como cicatrizantes através do uso como unguento ou cataplasma, aplicando de duas a três vezes por dia na região.

Dica: Experimente a beldroega alho e óleo, ou misture suas folhas e talos picados com tomate, temperando com sal, limão e azeite - fica um delicia!

A seguir uma comparação de Beldroega, Caruru e Alface:


Cálcio

Ferro

Magnésio

Fósforo

Potássio

Sódio

Zinco

Cobre

Manganês

Beldroega

65

2

68

44

494

45

0,17

0,113

0,313

Caruru

215

2,3

55

50

611

20

0,9

0,162

0,885

Alface

35

1,2

13

33

238

5

0,2

0,016

0,179

A capacidade que estas ervas têm de “explorar” a terra se mostra na grande quantidade de sais minerais que encontramos na composição das folhas.
Uma outra função das ervas é a capacidade de extrair nutrientes do solo. Algumas gostam mais de Fósforo, outras de Zinco ou Cálcio. Então, uma mistura de ervas é capaz de trazer de volta uma grande diversidade de minerais que a chuva levou para o subsolo. Quando essas ervas daninhas se decompõem no solo, as próximas plantas produtivas se alimentarão disso. Além do mais, suas raízes quebram a terra dura deixando-a solta .

30 de abr de 2009

Tudo sobre ORA-PRO-NOBIS

Flor de Ora-pro-nobis
Ora-pro-nobis. Em bom latim,orai por nós. A expressão acabou dando nome ao vegetal também chamado "carne do pobre", por seu alto teor de proteína e a planta , há sete anos, inspira a realização de um festival que atrai centenas de turistas a Sabará, a 25 quilômetros de Belo Horizonte, na região metropolitana, mais precisamente no bairro Pompeu.Dizem que a planta passou a se chamar assim porque existia no quintal de um padre. Enquanto ele rezava a missa e dizia o seu ora-pro-nobis, os catadores faziam a festa. Quem conta a historia é José dos Santos Pinto, de 73 anos, um dos plantadores e dono de um alambique no bairro Pompeu, onde aliás, se concentra a tradição, os cultivos da planta e restaurantes.
REFOGADO DE ORA-PRO-NOBIS

Uma planta rica em proteínas que pode minimizar a fome do Brasil. É um cactos trepadeira que apresenta folhas suculentas e comestíveis, tem flores lindas (brancas) que duram apenas um dia. Tem 25,4% de proteína; vitaminas A, B e C; minerais como cálcio, fósforo e ferro. Passa ao alimento bela cor verde inclusive em pão e macarrão, enriquece saladas, refogados, sopas, omeletes, tortas e o arroz-com-feijão. Porque não tem uma ação concreta sobre isso??? Ainda bem que o Sidney Antonio de Guarapari/ ES pediu uma receita de costelinha com Ora-pro- nóbis e ai contei sobre ela.
Salada de Ora-pro-nobis
As saladas de flores podem ser de dois valores nutritivos. Se colhidas pela manhã, bem cedo, antes de serem visitadas pelos insetos polinizadores, a salada guardará mais proteínas. Afinal, em cada flor existe, aproximadamente, de 15 a 20 miligramas de néctar.Se as flores forem coletadas mais tarde, depois de exploradas pelos insetos, a salada será saborosa, mas de valor nutritivo menor. O pólen é quase proteína pura, levemente adocicado, o que é agradável ao paladar.
Tempera-se com limão ou vinagre de maçã, limão, cravo e algumas folhas de rúcula, para dar um sabor picante.

Sorvete de Ora-pro-nobis
De acordo com informe técnico da Universidade Federal de Viçosa (Prof. José Cambraia) o “ora-pro-nobis” (Pereskia aculeata Mill) , “é uma planta da família das cactáceas cujas folhas podem ser utilizadas não somente na alimentação humana, como também animal.Além de não possuir nenhum princípio tóxico, é extremamente rico em proteínas de boa qualidade. Análises feitas em folhas do Ora-Pro-Nobis mostram que este vegetal possui 25% de proteínas, sendo alta a sua digestibilidade (85%) . Além de apresentar uma composição bem balanceada, apresenta certos aminoácidos essenciais, em teores excepcionalmente elevados, destacando-se a lisina, cujo teor no "ora-pro-nobis" foi superior ao de vários alimentos tomados para comparação. A comparação do teor de lisina no em relação a outros alimentos, gramas/Kg de peso seco: Ora-Pro-Nobis (11,5) Milho híbrido comum (2,3) ; Milha opaco-2 (4,6); Couve (0,5); Alface (0,5) ; Espinafre (1,6) .
fonte:melissotropicas

29 de abr de 2009

Desenhos ambientais


Alguns desenhos foram gentilmente cedidos por José Carlos, que possui dois Blogs super legais.Pra pesquisar outros desenhos: Clique Aqui ou Clique Aqui.